01 dezembro 2015

Ah, o tempo...


Postado por Nat


Eu ainda me assusto com a velocidade com que o tempo passa, voa, escorre por entre nossos dedos. Talvez eu nunca me acostume mesmo e nem sei se quero ter consciência de quanto tempo ando perdendo enquanto vejo as folhas do calendários serem arrancadas na minha frente.

Não dá mais pra piscar que o verão acabou, respirar que já é inverno, suspirar que já chegou o outono, cochilar que a primavera já bateu à porta e então, dezembro chega outra vez com a toda a sua magia natalina e as promessas de ano-novo. 

Quer saber? Nem prometo mais. Nunca cumpro. Nunca mesmo. Devo achar que tenho muito tempo pela frente né? Pobre de mim! Meio que cansei de chegar nessa época e tentar fazer o balanço do que fiz ou deixei de fazer. Ai, que dor! É muita culpa que sinto por ter perdido tanto tempo! Muito nervoso por ter tantos planos que não sei nem por onde começar a colocar em prática. E nem sei se deixar o rio correr e as coisas acontecerem é a melhor maneira de aproveitar cada segundo dos próximos doze meses.

Só sei que pensar demais consome mais do pouco tempo que a gente ainda tem. Então? É viver, né? No melhor estilo cada dia como se fosse o último. Com planos? Sim. Mas com os mais imediatos possíveis. E as metas? No fundo a gente sempre sabe o que quer, então vamos cumprindo quando der, sem parar o mundo por conta de uma, ou a vida porque nada deu certo.

O tempo? Ah, meu bem, ele não espera não!

Olá Dezembro!!!! ♥

(Talvez eu tenha usado ? demais nesse post, mas ah...pelo menos eu postei e essa sempre foi uma meta!)

0 comentários:

Postar um comentário

Vou ficar muito feliz em ler seu comentário sobre o post de hoje! ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...