18 maio 2014

Muito mais além do que se vê...


Postado por Nat



Sei lá que caminho é esse. Que vontade é essa. Quais desejos te pertencem. Quantos deles se perderam no meio da estrada. Talvez seja parte do infinito não saber muito bem onde querer chegar. Se vai chegar. Onde irá chegar. Com quem irá chegar. Se há muito alem do horizonte? Vai saber o que você quer ver. Depende dos olhos que buscam, dos pés que se aproximam, dos lábios que sorriem. Dos sonhos que se realizam.

Quantas vezes a gente  não parou por medo do desconhecido. Por não saber o quê se encontrará na linha tênue entre sonho e realidade. Quantos sonhos a gente não deixou escapar por pura falta de vontade de tentar? Essa mania, essa tolice de querer realidades fáceis pra sonhos incansavelmente difíceis - e que são infinitamente os melhores. Quantos medos não falaram mais forte? Quantos mais falarão? Quantos você quiser ouvir...

Desbravar mares. Alçar voos. Ir mais além daquilo que se vê. Daquilo que se deseja. Daquilo que se sonha. Ir mais além do que você é capaz, ou acha que é capaz. Entender, oras, que nossos limites podem ser muito maiores do que se acredita, ou que se quer acreditar. Além, além, Amém. Com fé, que ela não falha, e o caminho se torna não mais fácil, e sim mais reconfortante.

Das ondas, uma lição: tudo o que vem, volta. Do céu, outra lição: você é quem "se manda" ou quer "se mandar". Do horizonte que os une em algum lugar do infinito, a terceira lição: somos mais além do que pensamos ser, e o que somos aqui hoje, amanhã pode não. E depois de amanhã, quem sabe, volte a ser.

1 comentários:

  1. Lindo, Nat! Muito lindo o seu texto!
    E eu estou com saudade de vc... =(

    ResponderExcluir

Vou ficar muito feliz em ler seu comentário sobre o post de hoje! ♥

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...